Como o Pilates pode ajudar na dor da Coluna Vertebral?

 

Uma pesquisa recente realizada por Advil com o apoio do Ibope Conecta mostra que, quando o assunto são as dores nas costas e musculares, manter uma boa postura corporal no dia a dia é a principal atitude para impedir que os incômodos apareçam. Além disso, para evitar as dores musculares, praticar atividade física regularmente é uma atitude importante para 37% dos participantes.

Confira alguns causadores da dor nas costas, e veja como o pilates pode contribuir:

Má postura

Além de fortalecer os músculos importantes para sustentar a coluna e resolver a dor nas costas, o pilates também gera a conscientização sobre a importância da boa postura e qual é a correta. Com o tempo o praticante começa a perceber sua má postura em pé ou sentado e se corrige automaticamente, já com a coluna fortalecida pelos exercícios.

Tensão cervical

Outra causa de dor nas costas é a tensão cervical (no pescoço) e nos ombros, muito comum na vida moderna pelo uso excessivo do computador e pela tensão emocional. E os exercícios do pilates podem contribuir com o relaxamento desses músculos.

Falta de alongamento

A falta de alongamento também pode ser uma causa da dor nas costas. O nosso corpo não foi feito para ficar parado ou na mesma posição, como acontece hoje em dia. O Pilates promove o alongamento global, a medida em que também fortalece o corpo.

Patologias

Por fim, existem  patologias da coluna que causam dor nas costas e podem ser tratadas com o Pilates como Escoliose, Cifose, Lordose, Cervicalgia e Espondilolistese. Outras patologias sem alterações comprovadas na coluna, como Fibromialgia ou doenças  de causa emocional como depressão e ansiedade, mas que geram dores nas costas, também são tratadas com o Pilates diminuindo as dores.

Material de Estudo sobre Pilates

0 comentários:

Comente com educação que o seu comentário será aprovado. Participe sempre!

Saiba mais sobre a Cifoplastia

As fraturas decorrentes da osteoporose comprimem os ossos frontais da coluna vertebral, resultando num aumento anormal da curvatura da espinha torácica provocando a cifose,  popularmente chamada de "corcunda".  A dor é intensa e uma das formas de acabar com o problema é a cifoplastia, procedimento minimamente invasivo que proporciona alívio quase imediato. A técnica permite a correção da deformidade.

A cifoplastia é normalmente realizada com anestesia local. O médico faz uma pequena incisão nas costas do paciente e com a ajuda de imagens de raio-x em tempo real - um processo chamado fluoroscopia - leva um tubo fino até a vértebra fraturada. Através desse tubo, o médico faz uma perfuração na parte externa e dura do osso, até atingir o centro, que é mais macio. Assim, o médico constrói uma passagem estreita, pela qual insere, no interior da vértebra, um pequeno balão especial que é inflado. Ao se encher, o balão alavanca as porções do osso, que caíram ao quebrar, colocando-as de volta às suas posições originais. O objetivo é fazer a vértebra retornar à sua forma natural. O balão é, então, esvaziado e retirado, deixando em seu lugar uma cavidade, que o médico preenche com cimento ósseo de secagem rápida.  O procedimento dura de 30 a 40 minutos. Depois disso, o paciente permanece deitado por cerca de duas horas. Após esse período, o paciente se levanta e caminha pelo próprio quarto. Depois de passar a noite no hospital, ele pode voltar às suas atividades normais.

O quadro é animador, especialmente para pacientes que desenvolveram uma deformidade cifótica significativa. A cifoplastia oferece, no mínimo, a oportunidade de reverter algumas das deformidades associadas a essas fraturas.

0 comentários:

Comente com educação que o seu comentário será aprovado. Participe sempre!

Prevenção da Artrose na Coluna Vertebral


O envelhecimento natural somado a outros fatores, como a execução incorreta de determinadas atividades físicas ou esforços repetitivos realizados no dia a dia podem ser a causa do surgimento de dores intensas nas costas, acompanhadas de rigidez e dificuldades de movimentação, por exemplo. Estes sintomas podem indicar, frequentemente, a presença da chamada artrose da coluna.

A artrose é um processo no qual há uma degeneração da cartilagem. Nas fases inicias da artrose a cartilagem torna-se mais áspera, aumentando o atrito durante a movimentação da articulação. A artrose grave surge quando a cartilagem é completamente destruída, fazendo com que o atrito entre os dois ossos cause desgaste dos mesmos.

Uma das principais formas de tratamento é a prevenção da artrose, e para isso existem alguns cuidados que devem ser seguidos que incluem: 

  • Evitar o excesso de peso;
  • Manter uma boa postura corporal;
  • Evitar o levantamento de pesos, especialmente na região do ombro; 
  • Evitar a realização de exercícios repetitivos;
  • Evitar a realização de trabalhos forçados. 

A artrose é uma doença degenerativa crônica não existindo por isso um bom prognóstico da doença, servindo os tratamentos para aliviar a dor e a inflamação, retardar o progresso da doença, melhorar a movimentação e a qualidade de vida.

0 comentários:

Comente com educação que o seu comentário será aprovado. Participe sempre!

Curso Online de Quiropraxia Aplicada à Coluna Vertebral



Descrição do curso:

Aos profissionais da área que possuem interesse em se atualizar e aprender novos métodos, este é o curso ideal. As aulas irão ensinar as técnicas de terapia manual, exercícios e orientação postural, tratando de problemas no sistema neuro-músculo-esquelético.


Conteúdo Programático:

  • História da Quiropraxia;
  • O Fundador;
  • O Surgimento da Quiropraxia;
  • Desenvolvimento da Quiropraxia;
  • Nomenclaturas;
  • Quiropraxia no Brasil e no Mundo;
  • Fundamentos da Quiropraxia;
  • Princípios da Quiropraxia;
  • Fixações;
  • Complexo de Subluxação;
  • Mobilidade Articular;
  • Mobilidade Osteocinemática;
  • Mobilidade Atrocinemática;
  • Hipermobilidade x Hipomobilidade;
  • Coluna Vertebral;
  • Estrutura;
  • Função;
  • Disco Intervertebral;
  • Sistema Nervoso;
  • Divisão Quanto à Função;
  • Compreendendo a Dor;
  • Dor Mecânica x Dor Química;
  • Classificação da Dor;
  • Dermátomos;
  • Avaliação Global;
  • Protocolo Global de Quiropraxia;
  • Testes Globais e Específicos;
  • A Pelve;
  • Aspectos Anatômicos;
  • Ajustes para Ilíacos;
  • Ilíaco Anterior;
  • Ilíaco Posterior;
  • Teste para Ilíacos;
  • Tratamento Quiropráxico;
  • Ajustes para Sacro;
  • Avaliação;
  • Testes para Sacro;
  • Tratamento Quiropráxico;
  • Ajustes para Coluna Lombar;
  • Aspectos Anatômicos;
  • Aspectos Biomecânicos;
  • Hérnia de Disco;
  • Escoliose.


  • Não perca a chance de fazer um curso espetacular, com ótimo conteúdo. 

    Clique na imagem abaixo e tenha todas as informações!

    http://3.bp.blogspot.com/--bh4hD7vuuw/WVY7EkgsDuI/AAAAAAAAUOM/ZrE5-avG0xYykRcbMBOEDFJey9NZ4XRLQCK4BGAYYCw/s1600/inscreva-se-no-curso.jpg

    Informações sobre o Curso:

    Produtor: Portal Educação

    0 comentários:

    Comente com educação que o seu comentário será aprovado. Participe sempre!

    Material: Tratando a sua Coluna



    Este conteúdo foi escrito e editado com embasamento científico, com o objetivo de oferecer informação e conhecimento de qualidade.

    Venho esclarecer suas dúvidas, e contar um pouco da verdade sobre o que realmente é fisioterapia, pois no momento em que você souber o que realmente está acontecendo com a sua coluna, entenderá a necessidade de tirar alguns minutos do seu dia para realizar um tratamento simples, mas que pode acabar de vez com a sua dor.

    E lembre-se Fisioterapia não é "choquinho" ou ultra-som terapêutico. Nossos conhecimentos vão além disso.

    Espero te ajudar a entender o seu problema, e te explicar basicamente no que consiste o tratamento que utilizo, e tenho resultados por experiência clínica, abordando uma fisioterapia de alto padrão.



    Clique na imagem para saber o valor do investimento e formas de aquisição.

    Visualizar

    Informações sobre o Produto:

    Criado por Lucas Tadeu Espindula de Araujo


    0 comentários:

    Comente com educação que o seu comentário será aprovado. Participe sempre!

    Material: Tratando a sua Coluna

    Imagem inline 1

    Este conteúdo foi escrito e editado com embasamento científico, com o objetivo de oferecer informação e conhecimento de qualidade.

    Venho esclarecer suas dúvidas, e contar um pouco da verdade sobre o que realmente é fisioterapia, pois no momento em que você souber o que realmente está acontecendo com a sua coluna, entenderá a necessidade de tirar alguns minutos do seu dia para realizar um tratamento simples, mas que pode acabar de vez com a sua dor.

    E lembre-se Fisioterapia não é "choquinho" ou ultra-som terapêutico. Nossos conhecimentos vão além disso.

    Espero te ajudar a entender o seu problema, e te explicar basicamente no que consiste o tratamento que utilizo, e tenho resultados por experiência clínica, abordando uma fisioterapia de alto padrão.



    Clique na imagem para saber o valor do investimento e formas de aquisição.

    Visualizar

    Informações sobre o Produto:

    Criado por Lucas Tadeu Espindula de Araujo


    0 comentários:

    Comente com educação que o seu comentário será aprovado. Participe sempre!

    Material - Massagem: prevenção & cura



    Para você que está procurando um curso de massagem online, está é uma oportunidade excelente, tanto para novatos quanto para aqueles que já possuem alguma experiência na área.

    Este curso foi idealizado para que você aprenda as quatro técnicas principais de massagem - Shiatsu, Drenagem Linfática, Reflexologia, Anti-Stress (Relaxante) - e para que possa fazer um bom atendimento terapêutico posteriormente.

    O curso é constituído de um ebook, com todas as informações teóricas básicas sobre massagem e a descrição detalhada das sequências de movimentos das técnicas através de vídeo-aulas explicativas.

    Com a leitura do ebook e vivência prática mínima de 30hs por técnica, a pessoa será capaz de fazer massagens profissionalmente, estabelecendo assim o seu próprio negócio.

    Este é um curso absolutamente único: 4 em 1!

    Você também irá receber as "Top10 Dicas de Massagem" e terá suporte online via chat privado com a autora sempre que precisar.

    Clique na imagem para saber o valor do investimento e formas de aquisição.

    Visualizar

    Informações sobre o Produto:

    Criado por Elaine De Maria

    0 comentários:

    Comente com educação que o seu comentário será aprovado. Participe sempre!

    Material: Dor nas Costas Nunca Mais - Programa M7



    O Programa M7 Foi desenvolvido para resolver de vez todas as questões que envolvem as dores nas costas e a má postura.

     Através de vídeo-aulas, check-lists, auto-avaliações e-book ilustrado, escaneie todo o seu corpo e descubra quais são seus vícios posturais, que te deformam ou te geram dor e aprenda como eliminá-los.



    Aprenda como corrigir as posiçoes do dia a dia, como sentar, deitar, carregar peso, uso de calçados e muito mais...tudo em vídeos! Aprenda também uma sequência PODEROSA de exercícios que duram no máximo 7 minutos e que te protegerão de dores e má postura.

    Através do Programa M7, você vai compreender que o mal de todos nós é a falta de conhecimento em relação ao próprio corpo e que não sabemos como utilizá-lo de modo que não o prejudique.

    E comprando o Programa M7, leve mais 5 bônus de cortesia:
    • Uma vídeo-aula de Pilates
    • Uma aula sobre auto-estima
    • Um curso de emagrecimento
    • Um curso de gestão de tempo
    • Uma aula sobre dor.

    Clique na imagem abaixo para saber valor do investimento e formas de aquisição.



    Visualizar

    Informações sobre o Produto:

    Criado por Henriette Delavechia

    0 comentários:

    Comente com educação que o seu comentário será aprovado. Participe sempre!

    Material: Curso online de Pilates nas Escolioses


    Nesse curso você vai aprender o que é, como avaliar e como tratar um paciente com escoliose , através do método Pilates. o Professor Marcos Minello vai mostrara ferramentas digitais e analógica, para avaliar e uma nova visão para o tratamento global.

    De forma bem explicativa e visual, você aprendera as melhores formas de avaliar um paciente com escoliose e entende que exercícios devemos trabalha com cada um.

    Vídeos curtos para facilitar o aprendizado
    Conteúdo embasado
    Teoria e Prática

    Conteúdo:
    O que é escoliose
    Rotação automática
    Mobilidade ativa frontal
    Mobilidade ativa horizontal
    Mobilidade ativa sagital
    Teste de Adams teórico
    Teste de Adams e mobilidade ativa prático
    Conclusão do teste de Adams para descobrir a escoliose
    Ângulo de Cobb
    Método Nash e Moe
    Usando o app prumo para ver escoliose
    Entendendo melhor o uso do app Prumo

    Exercícios:
    Bola
    Step Barrel
    Ladder Barrel
    Chair
    Reformer
    Cadillac

    Clique na imagem abaixo para ter mais detalhes de valor de investimento e forma de pagamento.

    Visualizar

    Informações sobre o Produto:

    Criado por Marcos Minello



    0 comentários:

    Comente com educação que o seu comentário será aprovado. Participe sempre!

    Material: 5 Livros sobre o tratamento de patologias com o Método Pilates

     


    Reunimos os "Conhecimentos dos Especialistas" e criamos uma coletânea de 5 livros digitais com informações avançadas sobre o tratamento de patologias com o Método Pilates



    Livro 1 – Pilates nas Disfunções do Quadril

    Anatomia e Biomecânica da Cintura Pélvica

    Patologias do Quadril

    Biomecânica e Aplicações do Pilates

    Prescrição de Exercícios para o Quadril

    Exercícios de Solo, Barrel, Chair, Cadillac e Reformer

    Referências Bibliográficas

    Autora: Lorena dos Santos Rios
    Fisioterapeuta, CREFITO-7: 13-448F

    167 páginas e 65 exercícios



    Livro 2 – Pilates nos Desvios Posturais

    Coluna Vertebral e Postura

    Sistemas de Equilíbrio do Tronco

    Alterações Posturais

    Terapêutica Postural Aplicada ao Pilates

    Exercícios de Solo, Barrel, Chair, Cadillac e Reformer

    Referências Bibliográficas

    Autora: Ana Paula de Sousa Pereira
    Fisioterapeuta, CREFITO-14: 183-031F

    174 páginas e 97 exercícios

     

    Livro 3 – Pilates nas Patologias Neurológicas

    Anatomia e Funcionamento Normal

    Controle Motor

    Principais Patologias

    Avaliação Geral

    A prática do Método Pilates — Exercícios

    Referências Bibliográficas

    Autora: Karla Vergaças Seleme
    Fisioterapeuta, CREFITO-3: 121-017F

    214 páginas e 64 exercícios

     


    Livro 4 – Pilates nas Patologias do Joelho

    Pilates na Síndrome da dor Patelofemoral

    Lesão meniscal

    Gonartrose ou Osteoartrose do Joelho

    Propriedades do Ligamento

    Anatomia e biomecânica do Pé

    Exercícios de Solo, Barrel, Chair, Cadillac e Reformer

    Referências Bibliográficas

    Autora: Érika Cássia Barroso Batista
    Fisioterapeuta, CREFITO-3: 167-261F

    165 páginas e 69 exercícios

     

    Livro 5 – Pilates nas Patologias do Ombro

    Biomecânica

    Músculos

    O Manguito Rotador e a Estabilização

    Síndrome do Impacto

    Exercícios de Solo, Barrel, Chair, Cadillac e Reformer

    Referências Bibliográficas

    Autora: Aline Cristina Longhini Alberti
    Fisioterapeuta, CREFITO-3: 173-719F

    222 páginas e 75 exercícios

    Estes livros são um investimento em você!

    Mas isso só terá resultados se você colocar em prática agora. Conhecimento é a única coisa que ninguém pode te forçar a ter, mas também ninguém conseguirá retirar de você.

    Visualizar

    Informações sobre o Produto:

    Criado por VOLL Pilates

    0 comentários:

    Comente com educação que o seu comentário será aprovado. Participe sempre!

    Material: 8 Semanas de Tratamento para dores na Coluna Vertebral




    Esse programa promove a reabilitação da coluna, com exercícios bem simples, sem acessórios, baseados na fisiologia do próprio corpo. Em poucos dias, a estrutura muscular da coluna retorna, dando a sustentação necessária para que não tenha mais dores.

    O que contém esse programa?

    - Exercícios sem contra indicações, extremamente testados e muito seguros;
    - São somente de dez a quinze minutos por dia de comprometimento e disciplina;
    - Foi desenvolvido um material fácil, 100% virtual, com aulas extremamente explicativas, com exercícios progressivos, que você poderá praticar em qualquer lugar;
    - Foram mais de dez anos se dedicando muito à reabilitação de coluna e entendendo a essência das patologias;

    Esses exercícios servirão de base para você realizar seu esporte favorito, preparando sua coluna e evitando lesões.

    O programa defende que para uma vida plena é preciso despertar o seu corpo. Nosso objetivo é manter as pessoas ativas!

    Você pode ter acesso imediato a esse programa logo após confirmação do pagamento, em pouco tempo.

    0 comentários:

    Comente com educação que o seu comentário será aprovado. Participe sempre!

    Combata dores na coluna na Gestação



    Não é novidade para ninguém que a dor nas costas é uma queixa muito comum entre as grávidas. Há pesquisas que falam que mais de dois terços das gestantes sentirão dor lombar e pélvica, geralmente no segundo e no terceiro trimestres da gestação.

    Mamãe: veja um tratamento de 8 semanas para sua coluna

    Tenha exercícios de Pilates para gestantes

    Então, o que fazer para envia essas dores?

    Vamos às dicas:

    1- Na hora de dormir, deite de lado e coloque um travesseiro entre as pernas para aliviar a pressão nas costas.

    2- Você não deve carregar peso, mas se precisar pegar seu filho mais velho no colo, por exemplo, agache primeiro, traga-o para junto do corpo e, em seguida, erga-o lentamente usando a força da perna.

    3- Quando estiver em pé, mantenha as pernas um pouco afastadas e os joelhos levemente dobrados. Isso diminui a curvatura da lombar.

    4- Ficar sentada força mais a coluna do que ficar em pé. Então, sente sempre em cima dos ísquios, os ossos pontudos que ficam embaixo do bumbum.

    5- Um bom exercício, que melhora instantaneamente a dor, é a contração do músculo transverso, que fica em volta da lombar e do abdômen. Localize os ossos do seu quadril e escorregue um dedo em direção ao centro da barriga. Para encontrar esse músculo, tussa, porque ele dá uma leve saltadinha. Contraia o músculo como se estivesse segurando o xixi. Faça esse movimento 15 vezes. Depois, repita essa série mais duas vezes.

    6 - Respeitando os limites de cada gestante e considerando as recomendações médicas, a atividade física fortalece os músculos e melhora a capacidade respiratória, proporcionando alívio de dores. Uma boa opção são atividades aquáticas, como natação e hidroginástica. Claro que, como aliado, o alongamento deve ser feito sempre antes, durante e depois de qualquer atividade física.

    0 comentários:

    Comente com educação que o seu comentário será aprovado. Participe sempre!

    Pilates ajudando quem tem Dores na Coluna



    A escoliose é uma deformidade da coluna vertebral em forma de "C" ou "S", entretanto existem outros desvios da coluna que podem estar associados, como a rotação vertebral, cifose torácica e lordose lombar e/ou cervical. Esta deformidade pode ser causada por inúmeras doenças e que analisada quanto a sua flexibilidade se divide em não-estruturais ou corrigíveis com a eliminação da causa, e estruturais ou permanentes.

    A doença é motivo de dores fortes nas costas e região lombar. Quem trabalha em frente ao computador, fica horas no trânsito ou carrega muito peso na bolsa tem mais chances de desenvolver e agravar a escoliose. Mas a mudança de hábitos e os exercícios físicos podem ajudar a amenizar esse problema.

    A técnica do Pilates ajuda a evitar lesões na coluna e prevenir doenças. No Pilates consegue-se um treinamento muscular mais específico em aulas personalizadas. Trabalha-se com a estabilização da coluna, que é o fortalecimento dos músculos profundos, responsáveis por manter as vértebras e seus componentes articulares na posição correta. Esses exercícios evitam problemas como: hérnias de disco, espondilólise, protusão discal e desvios posturais (escoliose, cifose e lordose).

    O Pilates tem a capacidade de oferecer fortalecimento, alongamento e equilíbrio corporal, proporcionando melhor alinhamento vertebral, reduzindo as tensões musculares e as compressões discais, devido à flexibilidade que vai sendo adquirida pelo corpo, proporcionando alívio aos pacientes com escoliose e ainda prevenindo o agravamento da doença.

    Portanto, utilize o Pilates para tratamento de Escolioses e Dores na Coluna. É um ótimo recurso.

    Conheça esse curso online específico de Pilates em Escolioses.

    0 comentários:

    Comente com educação que o seu comentário será aprovado. Participe sempre!

    Cervicalgia e o Pilates



    A cervicalgia se refere a dor na região da coluna cervical. Normalmente, resulta de uma simples contratura muscular no pescoço, o conhecido torcicolo. Caso a dor permaneça por mais de uma semana, é importante dedicar mais atenção ao quadro.

    Os sintomas da cervicalgia se instalam de forma lenta: rigidez nos movimentos, alteração na mobilidade, postura alterada como forma de compensação da dor. Além de a dor se manifestar na região do pescoço, também pode se estender ao ombro e ao membro superior (cervicobraquialgia), além de poder apresentar alterações neurologicas como a modificação da sensibilidade, da força muscular, e nos reflexos em inserções musculares como a do punho, cotovelo e ombro terados. Normalmente se relaciona com a compressão da raiz nervosa da região cervical sub-axial. Recomenda-se atenção às dores com sinais neurológicos devido a possibilidade de infecções na coluna, compressões da medula espinhal, tumores, fraturas e outras patologias. Há casos também que se dão dificuldade na marcha, alterações na fala, dor de cabeça, zumbidos, náuseas, visão turva, febre, sudorese, cansaço e perda de peso. É importante frisar que a cervicalgia é um dos sintomas da meningite.

    Causas comuns de cervicalgia:

    -Desordem mecânica, fatores posturais e ergonômicos, obesidade, fraqueza abdominal e estresse -Osteoartrose, artrite reumatóide
    -Traumas
    -Fraturas
    -Inflamações espondilite anquilosante
    -Infecções (meningite, caxumba, etc)
    - Espondilite Anquilosante
    - Alterações da ATM (articulação têmporo-mandibular)
    -Tumores
    - Alterações musculares congênitas
    - Estenose do Canal Vertebral
    -Hérnia discal

    É rara a indicação cirúrgica em casos de cervicalgia. Geralmente, ocorre quando há piora neurológica no decorrer do tratamento, disfunção da medula espinhal ou quando a cervicalgia se dá como consequência de alguma patologia que tenha indicação de cirurgia como as relacionadas aos discos intervertebrais, traumas ou instabilidade de ligamentos. São procedimentos delicados, por isso é imprescindível que um medico competente e confiança seja consultado.

    Ao recomendar um tratamento à cervicalgia é importante avaliar os fatores que desencadeia a dor, a duração dos sintomas e se há comprometimento neurológico.

    Quando a cervicalgia é caracterizada como um torcicolo, recomenda-se relaxantes musculares, calor local e alongamento da região. Na cervicalgia crônica podem ser utilizadas medicações para dor crônica, associadas a um programa de reabilitação. Quando há bloqueio de movimentos, a fisioterapia convencional pode contribuir com terapias passivas que visam a analgesia, aumentando o fluxo sanguíneo e diminuindo o espasmo muscular.

    A intervenção do PILATES é bastante efetiva tanto na estabilização da dor quanto na prevenção e orientação para evitar novas crises. Os exercícios baseados na respiração característica associada à contração e fortalecimento do CORE (grupos musculares da região central do corpo) promoverão a mobilização da região, além de equilíbrio muscular (flexibilidade e força) a fim de restabelecer o alinhamento postural e sobretudo da região cervical, estabilizando, fortalecendo e então protegendo toda a coluna vertebral. Os espaços intervertebrais também recebem atenção especial, serão restabelecidos ou mantidos preservando os espaços naturais dos nervos e gânglios, então participando da prevenção de lesões e novas crises.

    Publicado em 28/05/11 e atualizado em 13/02/17

    0 comentários:

    Comente com educação que o seu comentário será aprovado. Participe sempre!

    Stress x Dor na Coluna


    Existe uma forte conexão entre o estresse e as dores nas costas. O estresse causa a liberação de hormônios que aumentam a percepção da dor, como o cortisol e o adrenocorticotrópico (ACTH). 

    Os hormônios do estresse também causam tensão muscular. Os músculos podem ser tão tensionados ao ponto de levar a um doloroso quadro de espasmo muscular. Os músculos das costas e do pescoço são particularmente mais sensíveis aos efeitos do estresse.


    A tensão muscular reduz a circulação sanguínea para os tecidos, desta maneira, reduz a quantidade de oxigênio e nutrientes que deveriam chegar até para eles. A circulação adequada é necessária para liberar resíduos ácidos (bioprodutos da atividade muscular) dos tecidos. O acúmulo deles nos tecidos pode causar fadiga e dor, além de dificultar o processo de cura do organismo. 

    Uma pessoa com problemas nas costas, como por exemplo, a cicatriz de uma lesão antiga ou com alterações degenerativas da coluna devido ao envelhecimento, pode observar os efeitos do estresse pela dor nas costas, ainda mais do que alguém com as costas saudáveis.

    A menor tensão muscular pode ser a "gota d'agua". Por exemplo, se os nervos espinhais forem restringidos por tecido cicatricial ou por depósitos de cálcio, podem levar a uma tensão muscular mínima, que comprime os nervos e causam dor. Outro exemplo, é a dor ciática, que pode tornar-se muito maior quando a pessoa se sente estressada. 
    "Exercícios simples de alongamento também podem aliviar o estresse e relaxar os músculos tensos" 
    Sem a devida atenção, um ciclo vicioso para o estresse e para a dor nas costas pode ser facilmente iniciado: O estresse causa tensão muscular nas costas, levando à dor, que por sua vez aumenta a tensão muscular e pode aumentar ainda mais o estresse.

    Quando alguém está sob efeito do estresse, suas costas se tornam menos capazes de tolerar até mesmo a uma leve atividade. Ele faz com que os músculos se tencionem, deixando-os vulneráveis a lesões. Com este quadro, o simples ato de levantar uma caixa leve, por exemplo, pode se tornar quase impossível.  

    Reduzindo o estresse

    Aliviar o estresse pode reduzir a dor que é agravada ou causada pela tensão muscular. Além disso, gerenciá-lo continuamente também pode ajudar a prevenir a aparição das dores nas costas.

    Terapias como osteopatia, acupuntura e massagens terapêuticas, como o Shiatsu, são muito benéficas para o relaxamento muscular. Elas trabalham o corpo de forma holística, ou seja, reequilibram a circulação e o copo como um todo, levando ao alivio das condições provocadas pelo estresse. Quando realizadas regularmente podem ajudar no controle do estresse e da dor nas costas. 

    Exercite-se

    O controle do estresse é um processo contínuo - como fortalecer os músculos através de exercícios. Portanto, o alívio pode vir através deles. O Pilates reune movimentos que aumentam a força e a flexibilidade, ao utilizar técnicas de respiração para aliviar o estresse, proporcionando sensação de alívio e bem-estar.


    O exercício aeróbico é outra forma particularmente eficaz para aliviar o estresse, pois queima os hormônios que o causam e aumenta a produção corporal de endorfinas - substâncias químicas que são naturalmente secretadas para aliviar a dor e melhorar o humor. Além disso, exercícios simples de alongamento também podem aliviar o estresse e relaxar os músculos tensos.

    Manter a forma através do exercício e o controle de estresse são importantes no tratamento e prevenção de dores nas costas. 

    Esse texto foi publicado dia 14/10/07 e atualizado dia 20/01/17.


    0 comentários:

    Comente com educação que o seu comentário será aprovado. Participe sempre!