Alongamentos para dor na coluna cervical







 
http://www.jcuberaba.com.br/userfiles/FOTO1(1).jpg

A musculatura da região cervical é responsável pela sustentação da cabeça, o auxilio na movimentação dos ombros e braços e tem músculos acessórios que ajudam na respiração. Ela permite que você mexa a sua cabeça para cima e para baixo e para os lados. Devido ao pequeno tamanho das vértebras e a grande variedade de movimentos que ela desempenha, é muito vulnerável a lesões, por isso a dor na cervical é tão comum.

Esse acúmulo de funções somado ao estresse e tensão cada vez mais frequentes no dia a dia, fazem com que eles entrem em um estado de sobrecarga e fadiga excessivos. As consequências disso podem ser uma sensação aumentada de peso nos ombros, dificuldade para movimentar o pescoço e em casos mais extremos desencadear dor.

A dor na coluna cervical pode ocorrer por causa da má postura e musculatura frágil. Alongamentos podem ser uma maneira simples de diminuir o desconforto. A maioria dos alongamentos deve ser mantida por 30 a 60 segundos. Depois de algum tempo, contudo, irá variar a duração de cada movimento. Algumas vezes você talvez queira sustentar mais tempo um alongamento porque está mais tenso nesse dia, ou simplesmente porque está "curtindo" aquele alongamento. Lembre-se de que cada dia é diferente do outro, de modo que você deve dimensionar seus alongamentos segundo o que estiver sentindo naquele momento.

Eles podem ser feitos várias vezes ao dia, sempre com muito cuidado, pois a região é bastante sensível. Aprenda a ouvir seu corpo. Se a tensão crescer ou se você sentir dor, seu corpo está tentando mostrar-lhe que há algo errado e há algum problema. Se isso acontecer, vá cedendo aos pouquinhos até sentir que está confortável e o alongamento está certo.

De forma suave, mova a sua cabeça para cima e para baixo, levando seu queixo a tocar o peito, imitando o movimento que fazemos quando concordamos com alguém. Repita o movimento cinco vezes.

Em seguida, mova sua cabeça de um lado para outro, lentamente, imitando agora o movimento que fazemos quando discordamos de alguém. Faça esse movimento até que o queixo esteja alinhado com o ombro. Esse movimento ajuda a alongar e soltar os músculos mais tensos do ombro e pescoço.

Finalmente, tente encostar as orelhas em cima de cada ombro. Faça esse alongamento para aumentar a flexibilidade. Se quiser, também pode esticar o braço com a palma da mão virada para baixo, como se quisesse empurrar o chão.

Estes alongamentos são perfeitos para dor na cervical de leve a moderada, aliviando as tensões do dia-a-dia. Se a dor piorar ou você sentir que ela irradia para os braços, procure um profissional para lhe ajudar.


COMENTE ESSE POST

Compartilhe no Google +

0 comentários:

Comente com educação que o seu comentário será aprovado. Participe sempre!