Curta e Siga


Doenças ligadas à dor nas costas





Olá! Tudo bem? Esse blog faz parte da Chakalat.net e esse post fala sobre Doenças ligadas à dor nas costas.


Estudo epidemiológico sobre os fatores de risco das algias de coluna  vertebral – InterFISIO


As causas das dores nas costas são inúmeras, mas existem quatro tipos mais comuns: lombalgia crônica, hérnia de disco, lombalgia aguda e artrose. Descubra agora qual está relacionada ao seu sofrimento:
Se você sente dor nas costas...

· Todos os dias, sobretudo na região lombar: lombalgia crônica

É possível que seu quadro seja uma lombalgia crônica, provocada por lesão, má postura ou excesso de peso. Consulte um médico para começar o tratamento adequado, normalmente com sessões de RPG e uso de anti-inflamatórios.

· Diariamente na lombar, junto com formigamento nos braços, coxas e pernas: hérnia de disco

Dor frequente com formigamento nos membros, é um sintoma típico de hérnia de disco, nome dado aos "amortecedores" das vértebras da coluna. Remédios e exercícios geram bons resultados, mas há pacientes que precisam de cirurgia.

· Ao pegar algum objeto pesado de mau jeito: lombalgia aguda

É uma dor esporádica gerada por mau jeito. Pode demorar algumas semanas para melhorar, mesmo depois de começar o tratamento com anti-inflamatórios. Fazer algumas sessões de RPG ajuda muito a evitar novas crises.

· Depois de passar muito tempo sentada ou deitada: artrose

O desconforto nas "cadeiras" que surge depois de ficar sentada ou deitada e logo desaparece pode ser artrose, um desgaste na cartilagem das juntas. Sem cura, o problema é amenizado com remédios, alongamento e hidroginástica.


Espero que você tenha gostado da nossa abordagem.

Se você for profissional da saúde, conheça a página que a Quero Conteúdo oferece com materiais gratuitos. Clique aqui .
Você também pode ter informações sobre Cursos Online para Profissionais da Saúde clicando aqui!

Se você quiser receber notícias sobre saúde em geral, entre nos grupos do Whatsapp e no grupo do Telegram.

Deixe seu comentário:

Nenhum comentário

Comente com educação que o seu comentário será aprovado. Participe sempre!