Cuidado com a coluna vertebral no carnaval







A coluna vertebral vai sofrer nesses dias de Carnaval: trânsito lento nas estradas, brincadeiras ou simplesmente o merecido descanso. É importante tomar alguns cuidados para não sair do feriado com dores.

Para quem vai pular o Carnaval, desfilar na avenida ou apenas se esticar e descansar durante, o quiropraxista Jason Gilbert dá dicas para cuidar da coluna.

Quem vai desfilar deve estar atento:
o mais importante antes de começar é alongar a musculatura. Muitas vezes, o tempo de espera para entrar na avenida é três vezes maior que o tempo de desfile. O calor e o peso da fantasia podem prejudicar a coluna.

As pessoas que já apresentaram algum tipo de problema, principalmente lombar, devem sentar-se por um tempo para descansar a coluna. Além do peso da fantasia, outra ala que deve ter atenção à coluna é a bateria. Os componentes em geral carregam instrumentos pesados que podem alterar o centro de gravidade. Os responsáveis por empurrar e dirigir o carro alegórico na avenida também tem que ter muita atenção com a coluna.

Quem vai pular nas festas:
cuidado com o excesso de bebidas. O álcool é um relaxante muscular. Quando bebemos e ficamos parados por muito tempo, a coluna perde um pouco de espaço, especialmente na área lombar.

As pessoas que já têm problemas na coluna precisam ter ainda mais cuidado. A tensão muscular na coluna baixa serve para dar apoio à coluna e às articulações. Quando a musculatura está relaxada por causa da bebida, a coluna fica sem a faixa natural de proteção, podendo acontecer lesões.

Quem vai ficar esticado na praia ou piscina:
as cadeiras de praia não são adequadas para apoiar a coluna por períodos prolongados - elas podem causar ou agravar problemas da coluna lombar, piorando uma hérnia de disco, ciática ou até uma dor cervical.

Quando tomar sol, não fique parado por muito tempo, troque sempre de posição - de barriga para cima, depois de bruços - para não travar a coluna lombar e o pescoço também.

Quem vai encarar o congestionamento:
a dica é simples: depois de uma hora no congestionamento, a recomendação é parar o carro, descer, esticar-se e mover-se por cinco minutos, o que evitará problemas ou dor na coluna lombar.

COMENTE ESSE POST

Compartilhe no Google +

0 comentários:

Comente com educação que o seu comentário será aprovado. Participe sempre!